Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais
Toque Sertanejo
Apresentação
Docimar Schmidt e Paulo Frizzo
Rádio Cidade
Apresentação Francisco Basso Dias

Ano letivo da Assami inicia com formação continuada para as equipes

Publicado 26/02/2020 às 08:27
Treinamento Lei Lucas

Treinamento de noções básicas de primeiros socorros   |    Fotos: Assami/Divulgação

A primeira formação continuada da Associação de Amparo à Maternidade e Infância (Assami) de 2020 aconteceu entre os dias 5 e 21 de fevereiro. O evento marcou o início do ano letivo da equipe de professores, auxiliares, administrativos e serviços gerais. Nesta quarta-feira, 26, ocorre o retorno dos alunos às escolas da entidade: Escola de Educação Infantil Tia Gelsumina e Creche Mãezinha do Céu.

De acordo com a direção da Assami, a atividade teve como principais objetivos consolidar um corpo docente de excelência, fortalecer as atividades direcionadas às crianças e nortear as ações em sala de aula. Entre os assuntos tratados, psicomotricidade, Lei Lucas, oficina de leitura, estudo, criação de espaços, rotinas administrativas, planejamento e projetos.

Lei Lucas
No dia 10 de fevereiro, o tema discutido na formação continuada foi a Lei Lucas (Lei 13.722, de 4 de outubro de 2018), que obriga professores e funcionários de escolas de educação infantil e básica, públicas e privadas, a fazerem capacitação em noções de primeiros socorros. A medida visa possibilitar que a equipe consiga agir em situações emergenciais enquanto a assistência médica especializada não for proporcionada.

A legislação ganhou esse nome em homenagem ao menino Lucas Begalli, de São Paulo, que morreu engasgado durante um passeio escolar. As professoras que acompanhavam os alunos não sabiam como agir e não conseguiram salvá-lo. O engasgo é uma das situações que o treinamento ensina a lidar. A dor da tragédia levou a família de Lucas a lutar para proteger outras crianças contra esse risco.

Psicomotricidade

Palestra da psicomotricista Mayara Smaniotto

Palestra da psicomotricista Mayara Smaniotto

A palestrante do dia 11 foi “Psicomotricidade: conceitos e aplicações práticas”, com a psicomotricista Mayara Carraro Smaniotto. Entre os tópicos abordados, os principais marcos do desenvolvimento das faixas etárias de zero a 5 anos e as bases psicomotoras (esquema corporal, lateralidade, equilíbrio, orientação espacial e temporal, coordenação motora).

Reflexos do desenvolvimento infantil na vida adulta

Professora Janaína Hoffmann

Aula da professora Janaína Hoffmann sobre documentação pedagógica

A importância do desenvolvimento infantil e os seus reflexos na vida adulta foi o assunto do dia 17, com a psicóloga escolar Rosicléia Pauletti, diretora da Vincular, de Passo Fundo.

No dia seguinte, 18, foi a vez da professora Janaína Hoffmann, também da Vincular, fazer a palestra “Documentação pedagógica: desafios e proposições”.

Nos encontros sem a presença de palestrante convidado, as equipes de professores e funcionários participaram de reflexões, planejamento das aulas, trabalho em grupo do Livro Base 2020, rotinas administrativas, de alimentação e organização escolar, entre outros temas.

PUBLICIDADE