Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais

Com novo caso, Rio Grande do Sul chega a 13 óbitos por dengue no ano

Publicado 4/05/2022 às 07:52

Aedes aegypti, o mosquito transmissor da doença, precisa de água parada para se reproduzir, por isso, a necessidade de se evitar criadouros.
Foto: Reprodução

Mais uma morte de dengue foi confirmada nesta terça-feira (3) no Rio Grande do Sul. Com isso, o número de óbitos pela doença no ano chegou a 13, maior volume já registrado na série histórica. O número de casos contraídos dentro do Estado (chamados de autóctones), de 13.336, também é o maior em um ano.

O último óbito foi registrado no município de Rondinha. As demais mortes já confirmadas ocorreram em Horizontina (2), Novo Hamburgo, Sapucaia do Sul, Cachoeira do Sul, Lajeado, Chapada, Cristal do Sul, Igrejinha, Dois Irmãos, Boa Vista do Buricá e Jaboticaba.

No ano passado, o Rio Grande do Sul registrou um total de 11 óbitos pela doença. Em 2020, foram seis.

A Secretaria da Saúde (SES) decretou no dia 27 alerta máximo contra a doença no Rio Grande do Sul (veja aqui o texto na íntegra). A prevenção deve ser feita eliminando locais com água parada, onde o mosquito transmissor, o Aedes aegypti, se reproduz.

 Infestação em 89% dos municípios

Até o momento, 442 municípios gaúchos foram considerados infestado pelo mosquito Aedes aegypti. É o maior número na série histórica do monitoramento, realizado desde 2000.

Com o expressivo número de casos e a larga distribuição do mosquito pelo Rio Grande do Sul, a Secretaria da Saúde reforça junto a população as medidas de prevenção, principalmente a eliminação de locais com água parada, que servem de pontos para o desenvolvimento das larvas do mosquito. Essa proliferação acontece em maior volume nesta época do ano, que alia temperaturas altas com chuvas mais recorrentes.

A relação das cidades consideradas infestadas também está disponível no painel de arboviroses do Governo do Estado.

por o Sul