Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais
Toque Sertanejo
Apresentação
Docimar Schmidt e Paulo Frizzo
Rádio Cidade
Apresentação Francisco Basso Dias
PUBLICIDADE

DetranRS: 5% dos veículos do RS estão cadastrados para receber multas com 40% de desconto

Publicado 5/05/2021 às 08:48

Nos últimos quatro meses, 4.369 multas foram pagas com o desconto máximo (40%).
Foto: Reprodução

Implantado pelo DetranRS em 1º de dezembro do ano passado, o SNE (Sistema de Notificação Eletrônica) já é utilizado por 5,4% da frota do Rio Grande do Sul. O app Carteira Digital de Trânsito oferece desconto de 40% nas multas recebidas após a adesão ao sistema. O proprietário poderá optar em cada multa individualmente, abdicando de apresentar defesa ou recurso para aquelas que quer receber o desconto. No Estado, há 275.925 veículos cadastrados no SNE, sendo 154.333 de pessoas físicas e 11.668 de jurídicas.

Nos últimos quatro meses, 4.369 multas foram pagas com o desconto máximo (40%), que vale para as infrações cometidas após a adesão do proprietário/condutor ao sistema. A adesão habilita o envio das multas apenas pelo formato digital, via app. Condutores que não têm veículo também podem aderir ao SNE e garantir o benefício.

O sistema permite maior agilidade ao processo, disparando notificações eletrônicas em vez das enviadas pelo correio. O direito ao desconto só vale para infrações futuras, não retroagindo para notificação de infrações cometidas antes da adesão ao SNE.

É recomendável a adesão ao SNE logo na sequência do download do aplicativo. O DetranRS também ressalta que a adesão não obriga o motorista a abrir mão da defesa de todas as infrações, apenas daquelas em que ele reconhecer o erro e quiser quitar com valor reduzido o que deve.

O diretor-geral adjunto do DetranRS, Marcelo Soletti, lembra que o papel do DetranRS é sobretudo o de conscientizar e educar o cidadão. “O motorista que abdica da defesa e reconhece seu erro sai ganhando com o SNE. Sem falar que o sistema é mais ágil, econômico e dinâmico, facilitando a vida das pessoas”, afirma.

por O Sul