Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais

Projeto ‘Cantando Afeto’ promove oficinas de musicalização online para grávidas e puérperas

Publicado 9/05/2022 às 02:00

A família tem um papel fundamental no desenvolvimento afetivo, social, psicomotor e cognitivo da criança. Nenhum brinquedo ou aparelho eletrônico pode substituir as relações pessoais que uma mãe pode ter com o seu filho e os vínculos que se criam entre eles. Sabemos que o celular tem sido uma ferramenta muito utilizada por pais para manter seus filhos “calmos”, mesmo em comunidades mais carentes ele está muito presente.

Atualmente não se canta mais com os pequenos ou por não conhecer um repertório adequado, ou acreditar que se cantar mal, ou mesmo por não se ter tempo para fazê-lo, ou por mil desculpas que se encontra para justificar algo que pode ser simples e que pode criar vínculos que permanecem para a vida toda, em um repertório de canções e brincadeiras que ficarão na memória afetiva das crianças.

Foi pensando nisso que a bacharel em Música / Violoncelo Melani Grenzel, propôs o projeto Cantando Afeto que foi inscrito e selecionado no Edital Erechim Cultura do FAACE. O projeto busca promover a realização de oficinas on-line de musicalização, direcionadas para mulheres grávidas e puérperas, estimulando a criação com apego e mostrando que a música pode auxiliar os pais a firmarem vínculos afetivos estreitos com seus filhos, sendo uma forma prazerosa de educar e contribuindo para o desenvolvimento cognitivo, motor, social e emocional dos bebês.

Segundo a proponente Melani Grenzel “No ano de 2018 nasceu Constance, minha filha e a partir daí comecei a estudar sobre a criação com apego, sobre a disciplina positiva que é uma das ferramentas da criação com apego e sobre como a musicalização pode ajudar neste processo e percebi que, mais importante que trabalhar com as crianças, é trabalhar com as famílias, especialmente a mãe que tem o contato mais direto com o bebê nos primeiros anos de vida, e daí surgiu a ideia de oferecer um curso para grávidas, puérperas e famílias.”

Dentre as ações do projeto, foram produzidos um livro com conteúdo das oficinas, dicas, letras de músicas, ilustrações e orientações sobre como as mães podem dar continuidade ao trabalho da criação com apego, tendo neste conteúdo um resumo do que será trabalhado em cada vídeo disponibilizado. Foram impressos 70 livros, distribuídos nos CRAS I – Progresso, CRAS II – Linho, CRAS III – Presidente Vargas, UBS com programa PIM. Coordenação do PIM e SMCET.

Também foram gravadas em estúdio 10 músicas para serem utilizadas pelas mães nas atividades. As oficinas estão sendo disponibilizadas para acesso gratuito na página do projeto nas redes sociais. Da mesma forma as músicas e o conteúdo virtual do livro podem ser acessados de forma gratuita no mesmo endereço: https://instagram.com/cantando_afeto?igshid=YmMyMTA2M2Y=

O projeto Cantando Afeto conta com o financiamento do Governo Municipal de Erechim / Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Turismo – FAACE.