Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais
PUBLICIDADE

Termelétrica São Sepé entra em operação comercial

Publicado 14/03/2019 às 02:23
Caldeira da UTE São Sepé   |   Foto: Creral/Imprensa

Caldeira da UTE São Sepé  |  Foto: Creral/Imprensa

A Usina Termelétrica (UTE) São Sepé (RS) entrou em operação comercial nesta quarta-feira, dia 13. O despacho para início da atividade comercial foi publicado pela Agencia Nacional de Energia Elétrica na terça-feira, 12. E no dia anterior, 11, o presidente da Creral, Alderi do Prado, recebeu do Operador Nacional do Sistema (ONS) a declaração de atendimento aos requisitos dos procedimentos de rede na operação integrada ao Sistema Interligado Nacional (SIN) em caráter definitivo.

A UTE São Sepé foi autorizada a se conectar na subestação Formigueiro 69 kV da RGE Sul, também localizada no município.

Capacidade energética
Inaugurada em 18 de dezembro do ano passado, a termelétrica tem potência instalada de 8 MW, utiliza a casca de arroz como combustível e passou por um período de testes e ajustes.  Antes de receber a liberação para operação comercial foi necessária a comprovação da geração plena por um período mínimo de 96 horas ininterruptas. De acordo com a administração da UTE, isso ocorreu entre os dias 25 de fevereiro e 1º de março e cumpriu satisfatoriamente o requisito exigido.

Anualmente serão queimadas 70 mil toneladas de casca de arroz fornecidas por empresas arrozeiras da região de São Sepé. Cerca de 90% da energia gerada foram vendidos em leilão, ainda em 2015, para 28 distribuidoras de energia do País.

O empreendimento é de propriedade das cooperativas Creral, de Erechim, e Ceriluz, de Ijuí, e das empresas Erechim Energia, BR Energia (Porto Alegre), Minozzo Participações (Nova Prata) e Energia 203 (Santa Maria).

PUBLICIDADE