Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais
Canto Nativo
Apresentação Docimar Schmidt
Nos Horizontes do Mundo
Apresentação
Edeovaldo Dias dos Santos
PUBLICIDADE

Uma em cada cinco pessoas tem anticorpos para o coronavírus no Rio Grande do Sul, aponta pesquisa

Publicado 29/04/2021 às 04:45

Dois milhões de pessoas têm anticorpos para o coronavírus no Estado, segundo a pesquisa Epicovid19-RS
Foto: Daniela Xu/UFPel

A proporção de pessoas com anticorpos para o coronavírus na população gaúcha quase dobrou no intervalo de um mês, de acordo com os dados mais recentes da pesquisa Epicovid19-RS (Evolução da Prevalência de Infecção por Covid-19 no Rio Grande do Sul).

A nova etapa do levantamento, realizada entre os dias 9 e 12 de abril, estima que 2 milhões de habitantes têm anticorpos para o coronavírus no Estado. No levantamento anterior, realizado de 5 a 8 de fevereiro, esse número era de 1,13 milhão.

Os resultados mostram que a prevalência de infecção pela Covid-19 aumentou de 10% para 18,1% entre as duas últimas fases de coleta de dados da pesquisa. De acordo com as mais recentes estimativas, a proporção é de uma pessoa com anticorpos para coronavírus a cada 5,5 moradores do RS.

“Este é um estudo de extrema importância para o Estado e para o País, sendo, inclusive, o pioneiro no Brasil. O resultado da décima rodada só nos demonstra a necessidade de continuar seguindo as orientações das agências sanitárias: uso da máscara, distanciamento físico, evitar aglomerações e preferir sempre ambientes ventilados”, disse o coordenador do Comitê de Dados e secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia do RS, Luís Lamb.

Para a coleta das informações, os pesquisadores realizaram 4,5 mil entrevistas e testes para coronavírus em nove cidades gaúchas. Desse total, 4.446 testes foram válidos e 807 tiveram resultado positivo. Cento e quatro deles foram na cidade de Uruguaiana, que apresentou 20,8% do total de testes positivos, seguida de Santa Maria, com 91 positivos (18,2%) e Ijuí, com 90 positivos (18%). Canoas teve 93 positivos (17,7%), e Santa Cruz do Sul, 88 (17,6%). Porto Alegre e Passo Fundo apresentaram 87 (17,4%) testes positivos cada. Caxias do Sul teve 85 (17%), e Pelotas, 82 (16,4%).

O estudo incluiu novas análises sobre a cobertura de vacinação entre os participantes da amostra. Do total de 4,5 mil entrevistados, 26,1% receberam a primeira dose de vacina contra o coronavírus, e 13,2% receberam a segunda. As proporções de cobertura vacinal coincidem com a priorização dos grupos mais idosos da população. A primeira dose do imunizante alcançou 94,3% dos idosos com 80 anos ou mais; 66,5% dos idosos com idades entre 60 a 79 anos; 5,9% das pessoas de 40 a 59 anos e 11% das pessoas de 20 a 39 anos.

Por O Sul