Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais
Toque Sertanejo
Apresentação
Docimar Schmidt e Paulo Frizzo
Rádio Cidade
Apresentação Francisco Basso Dias
PUBLICIDADE

Vice-presidente Hamilton Mourão defende a Copa América no Brasil e ironiza Tite: “O Cuiabá está precisando de um técnico”

Publicado 7/06/2021 às 11:29

Vice-presidente disse que o treinador pode “pedir o boné” se não quiser comandar a Seleção
Foto: Romério Cunha/VPR

O vice-presidente da República Hamilton Mourão defendeu a realização da Copa América no Brasil e fez críticas ao técnico Tite, da Seleção Brasileira, na manhã desta segunda-feira (07).

Na chegada ao Palácio do Planalto, o vice-presidente da República foi questionado por repórteres sobre as polêmicas que envolveram a defesa do governo federal à realização da competição continental no país após as desistências de Colômbia e Argentina.

Mourão fez críticas a Tite, visto por apoiadores do governo de Jair Bolsonaro como responsável pela resistência do grupo de jogadores em participar da Copa América.

“Não vou entrar nesta discussão. Eu acho que faz parte dessa disfuncionalidade que nós estamos vivendo. Eu sou do tempo em que jogador de futebol, quando era convocado para a Seleção Brasileira, era considerado uma honra. O técnico, ele não quer mais? Não quer, o Cuiabá está precisando de um técnico, aí, não está? Então leva lá, sai, pede o boné. Acho que isso é uma discussão, neste momento, totalmente disfuncional”, afirmou o vice-presidente.

Os jogadores da Seleção prometeram para esta terça-feira (08), depois do jogo contra o Paraguai, pelas Eliminatórias, uma manifestação oficial. Na semana passada, surgiu a informação de que o grupo se uniu para não jogar a Copa América em solo nacional.

por O Sul